terça-feira, setembro 27, 2022
IníciogospelPastor diz que a fidelidade nos dízimos tem relação direta com problemas...

Pastor diz que a fidelidade nos dízimos tem relação direta com problemas financeiros

[ad_1]


Pastor diz que a fidelidade nos dízimos tem relação direta com problemas financeiros

<span style="font-weight: 400">Muitos brasileiros acabam se endividando e isso pode causar s&eacute;rios problemas para a fam&iacute;lia. Os crist&atilde;os tamb&eacute;m est&atilde;o nessa estat&iacute;stica. O que a B&iacute;blia fala sobre as d&iacute;vidas? O pastor Marlon Lopes, diretor financeiro da Igreja Adventista na Am&eacute;rica do Sul, disse que existe uma rela&ccedil;&atilde;o direta entre o endividamento e a <span style="color: #800000"><strong><a style="color: #800000" href="https://guiame.com.br/gospel/mundo-cristao/apos-voltar-dizimar-casal-quita-dividas-foi-deus-nao-ha-outra-explicacao-para-isso.html" target="_blank">fidelidade nos d&iacute;zimos e ofertas</a></strong></span>.</span>

“A fidelidade nos dízimos e ofertas é fundamental. É o início de tudo. Algumas pessoas têm uma compreensão errada sobre por que dizimar. Alguns entendem que devem dizimar para Deus os abençoar”, disse ele.

“Porém o dízimo é exatamente o contrário: Deus já o abençoou e o que estamos fazendo é somente devolver os 10% Dele, da bênção já recebida. Em outras palavras: o dinheiro já foi para seu bolso e o que você está fazendo é devolver a parte Dele”, explicou o líder.

Ele ainda ressalta que o mesmo princípio se passa com as ofertas, que segundo o pastor significa gratidão pela bênção já recebida. “Um ponto muito importante a entender é que a fidelidade a Deus nos dízimos e ofertas tem impacto positivo na parte que fica com você”, comenta.

“Esta é uma bênção específica para aqueles que são fiéis: sabedoria na gestão dos recursos pessoais, fazendo toda a diferença neste mundo onde cada vez mais os valores estão invertidos”, coloca.

Finanças

Marlon Lopes ainda ressalta sobre o uso racional das finanças. “O segundo tema mais encontrado na Bíblia é sobre o dinheiro e, na maioria das vezes, a menção é como advertência, preocupação sobre o mau uso”, alerta.

“Isso nos deve colocar num outro nível de compreensão. Precisamos entender a razão porque Deus nos dá o dinheiro, o propósito do dinheiro na nossa vida, etc. Em nenhum momento você encontra na Bíblia a defesa da ideia do ‘dinheiro pelo dinheiro’”, pontuou.

“Quanto mais nobre forem seus propósitos com o dinheiro, mais feliz você será e menos riscos de descontrole financeiro também”, esclarece.

Prudência

Para finalizar, ele diz que devemos ser prudentes para com as finanças e cita Filipenses 4:11-13 “…aprendi a viver contente em qualquer situação”. Ele diz: “Isso nos dá uma opção de pensar que o endividamento, na maioria das vezes, é a falta da capacidade de aprender a ser feliz com aquilo que se tem”.

“Existem vários estudos conectando o endividamento das pessoas a compulsão por compras. A compulsão por ter coisas é a maneira com que as pessoas têm buscado a felicidade, porém esta estratégia não tem sido eficaz nesta busca. E os números estão aí para nos provar isto”, finalizou.

pastor diz que a fidelidade nos dizimos tem relacao direta com problemas financeiros

[ad_2]

Source link

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Vistos

Comentários