[ad_1]

O U.S. Citizenship and Immigration Services – USCIS – anunciou por meio de um memorando que poderá negar vistos diretamente, sem enviar cartas solicitando mais provas ou documentos. Até agora, o USCIS mandava as famosas cartas RFE (Request for Evidence), solicitando mais documentos para aprovar ou negar o visto ou uma NOID (Notice of Intent to Deny), avisando que a aplicação provavelmente será negada. A partir de 11 de setembro isso acaba, a negativa vem diretamente.

Essa política se aplica a solicitantes de vistos diversos – estudante, trabalho, investidor – ou processos para solicitação de residência permanente (green card).  Normalmente, os processos para solicitação de vistos e green card são complexos, envolvem uma série de documentos e a carta exigindo mais evidências dava mais tempo aos advogados e solicitantes para providenciar mais provas.

Pelo novo memorando, o USCIS pode negar diretamente, sem pedir qualquer documento adicional, se eles julgarem que o caso é passível de ser negado. O memorando também informa que pessoas com visto negado já podem ser deportadas.

“Hoje está claro que o governo está atacando a imigração legal, não somente a ilegal. Meu conselho é que as pessoas deem entrada em processos cada vez mais cedo, ainda dentro do status, para não estarem sujeitas à deportação. Os advogados, mais do que nunca, têm que enviar os documentos de forma correta para não dar chance de o USCIS negar o processo sem dar chance de defesa”, disse a advogada de imigração Anastasia Tonello à rede de TV CBS.

O porta-voz do USCIS, Michael Bars, defendeu a nova medida e disse que o objetivo é evitar as diversas fraudes em vistos e casamentos falsos para obtenção de documentos, que aconteciam na administração anterior. “Esse memorando é claro e vai de encontro à política imigratória do governo Trump, que é de manter nossas comunidades seguras e proteger nossas famílias de um sistema imigratório que visa a explorar o sistema”, disse Bars.

 

[ad_2]

Source link

Facebook Comments
criação de site