Take a fresh look at your lifestyle.

Em meio onda de frio intenso nos EUA Trump ironiza falando do aquecimento global

Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ironizou nesta quinta-feira o aquecimento global, enquanto o norte do país passa por uma onda de frio extremo com temperaturas de até -40°C.

“No leste, pode ser a véspera de Ano Novo mais fria já registrada. Talvez possamos usar um pouco do bom e velho Aquecimento Global pelo qual nosso país, e não outros países, iria pagar TRILHÕES DE DÓLARES para proteger-se. Agasalhem-se!”, tuitou o presidente.

O magnata de 71 anos sempre foi cético sobre as mudanças climáticas, chegando a afirmar, antes de ser presidente, que se tratava de uma “invenção” da China.

Trump retirou os Estados Unidos do acordo climático de Paris e escolheu defensores dos combustíveis fósseis para ocupar postos ambientais importantes.

Seu governo também eliminou as mudanças climáticas da lista de ameaças à segurança nacional.

“A mudança climática é muito real, mesmo quando faz frio do lado de fora da Trump Tower neste momento”, ironizou no Twitter o diretor da Academia de Ciências da Califórnia, Jon Foley.

“Da mesma maneira, a fome permanece no mundo, apesar de alguém acabar de comer um Big Mac”, disse Foley.

“A meteorologia não é a mesma coisa que o clima. Até o presidente pode entender isto. Não é tão complicado”, declarou a deputada democrata por Washington Pramila Jayapal.

A onda de frio deste mês encerra um ano em que fortes furacões, ondas de calor, inundações e incêndios florestais causaram estragos no mundo todo.

AFP

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais