Take a fresh look at your lifestyle.

Crianças chinesas estão sendo ensinadas a não cultuar a Deus, por ser algo maligno

Criança chinesa estudando a biblia

O regime comunista da China continua avançando em medidas para erradicar o Cristianismo, buscando doutrinar crianças pequenas a adorarem o ditador comunista Xi Jinping, em vez de adorar a Deus. Os relatos são de que o regime ensina as crianças a “odiar a Deus”.

Denúncias feitas ao site Bitter Winter já davam conta de que as crianças são doutrinadas pelo regime a ter ódio contra crenças baseadas na fé religiosa e delatar os próprios parentes, mas agora o Partido Comunista da China (PCCh) está preparando os jovens no país comunista para ter “ideias e pensamentos certos” com base no ateísmo.

Segundo o Epoch Times, uma mãe cristã notou atitudes estranhas de seu filho depois de ir à escola, relatando que a criança tem tido atitudes negativas sobre Deus. Ela relata que o regime comunista e ateísta da China está tentando fazer as crianças ter ódio contra Deus.

“Antes de começar a escola, contei ao meu filho sobre a criação de Deus e ele acreditou. Mas depois de ser ensinado na escola, meu filho é como uma pessoa diferente. Na China ateísta, essas crianças puras e inocentes foram ensinadas a odiar a Deus”, disse.

Em outro relato, uma criança teria encontrado um livreto cristão em sua casa e passou a agir de maneira ansiosa, isso porque sua professora advertiu que “o Cristianismo é um ‘xie jiao’” ou um “culto do mal”. A atitude da criança chamou a atenção.

Os pequenos também recebem materiais, como livros sobre “xie jiao”, um deles falando sobre “Moralidade e Sociedade”, mas com base em um ateísmo que busca erradicar Deus da esfera pública e privada.

Como já foi relatado anteriormente pelo Gospel Prime, a China está prendendo até mesmo os cristãos que participam de cultos online. O Partido Comunista da China (PCCh) estaria usando a pandemia de coronavírus como desculpa para reprimir os cristãos.

Bitter Winter

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais