Romero Britto tenta quebrar contrato com galeria na Lincoln Road em Miami Beach

94



O artista brasileiro mais conhecido em Miami, Romero Britto, está em pé de guerra com o proprietário do imóvel que ele aluga na badalada Lincoln Road, em Miami Beach. Britto alega que quer quebrar o contrato por causa de um certo transtorno ocorrido do lado de fora de seu espaço na 532 Lincoln Road, de acordo com o The Daily Business Review. As informações são do Sunsentinel.

Na queixa apresentada no dia 29 de maio, Britto e seu advogado citam problemas com moradores de rua e prisões frequentes na área.

Há três anos, o artista celebridade assinou um contrato por 10 anos com a The Denison Corporation no valor de $55.166 por mês, com aumentos anuais de 4%.

Nesta semana, o juiz que está cuidando do caso determinou que Britto deve continuar pagando seu aluguel na galeria enquanto a queixa está sob investigação na Corte, de acordo com o jornal Miami Herald.

Bruce Weil, advogado da The Denison Corporation, declarou ao jornal que Britto vem tentanto diminuir seu aluguel desde o ano passado, enquanto “nunca se queixou de crimes e de moradores  de rua interferindo no seu espaço nna galaria de arte. O proprietário acredita que esta é uma desculpa sem fundamentos do artista para evitar o pagamento de aluguel, devido o mesmo estar passando por problemas financeiros internos com a sua galeria.”

A galeria é uma das duas em que o artista brasileiro tem a sua arte exposta na Lincoln Road. Ele também tem trabalhos feitos para empresas como a Disney, Royal Caribbean Cruise Lines, edifícios no Sul da Flórida e também envia suas obras para diversos países.

Em dezembro, Britto revelou uma escultura de 8 pés de altura do lado de fora do JAFCO Children´s Ability Center em Sunrise.

Romero Britto em frente a uma de suas obras FOTO DIVULGAÇÃO
Romero Britto em frente a uma de suas obras FOTO DIVULGAÇÃO

 



Source link

Facebook Comments

criação de site