O norte dos EUA sofre mais uma vez com o frio e neve intensa

222
O norte dos EUA sofre mais uma vez com o frio e neve intensa
O norte dos EUA sofre mais uma vez com o frio e neve intensa

Nos Estados Unidos, moradores de várias regiões estão sofrendo os efeitos de nevascas. Todo o Norte dos Estados Unidos está congelando. De uma ponta a outra do país ou as ruas estão cobertas de neve ou os termômetros estão muitos graus abaixo de zero.

Várias cidades estão enfrentando problemas nas estradas e nos aeroportos. Só na terça-feira (26) seis mil voos atrasaram. Um avião pequeno derrapou na pista do aeroporto de Michigan City. Ele bateu na cerca, cruzou uma rodovia e continuou deslizando pelo campo a frente. O piloto e o passageiro sofreram ferimentos leves.

Em Boston um outro avião também derrapou quando pousava na pista congelada. Ninguém se feriu. Em Erie, na Pensilvânia, nevou 1,70 metro nos últimos três dias. A cidade declarou estado de emergência. Ruas ficaram intransitáveis. Carros foram enterrados na neve e até caminhões grandes ficaram presos. Um morador disse que está acostumado com neve, mas não nessa quantidade. “Isso é insano”, disse.

Essas nevascas estão se formando por um fenômeno meteorológico chamado nos Estados Unidos de lake-effect, ou efeito do lago, em uma tradução livre. Ele acontece quando um ar muito frio passa sobre águas mais quentes dos lagos. A água, que evapora, forma ondas de neve.

Onde não está nevando o frio é de rachar. Há um alerta de ventos congelantes para 47 milhões de pessoas. Em estados como Minnessota, Dakota do Norte e Wisconsin, algumas cidades vão ter temperaturas de até 30 graus negativos.

Em Nova Iorque, o dia até enganou: céu azul e sol. Mas a temperatura nesta quarta-feira (27) oscilou entre 3 e 6 graus abaixo de zero, com sensação térmica chegando a -11ºC. E deve esfriar mais nos próximos dias. A principal atração para a noite da virada de ano na cidade é a céu aberto na Times Square. A previsão do tempo é de que a noite de Réveillon tenha temperaturas de até -12ºC.

G1

Facebook Comments

criação de site