Dezessete estados processam governo Trump por separação de famílias na fronteira

85


Time4VPS.EU - VPS hosting in Europe



Dezessete estados, entre eles Washington, New York, Califórnia e Illinois, estão processando na Justiça o governo Trump por separar crianças de seus pais e responsáveis na fronteira dos EUA com o México.

Os estados, liderados por procuradores do Partido Democrata, entraram com processo nesta terça-feira (26) no U.S. District Court em Seattle.

“A prática de separar famílias é simplesmente cruel. Todos os dias parece que a administração federal está criando uma política com justificativas contraditórias. Mas não podemos esquecer: são seres humanos com vidas em jogo”, disse o procurador-geral de New Jersey, Gurbir Grewal.

A lista de estados é formada por: Massachusetts, California, Delaware, Iowa, Illinois, Maryland, Minnesota, New Jersey, New Mexico, New York, North Carolina, Oregon, Pennsylvania, Rhode Island, Vermont, Virginia e Washington.

Cerca de 2,3 mil crianças foram separadas dos pais durante a vigência da política de ‘tolerância zero” – já revogada por Trump – em que as famílias eram separadas na fronteira ao tentar entrar para solicitar asilo. Entre elas, 49 são brasileiras, uma delas está em um centro para crianças no Sul da Flórida, de acordo com o Consulado-Geral do Brasil em Miami.

Sob a política, todo adulto que for pego atravessando a fronteira ilegalmente deve ser criminalmente processado. Se for capturado, o indivíduo é levado a um centro federal de detenção de imigrantes até que se apresente a um juiz. A política não fala em separação das famílias, porém isso acabava ocorrendo na prática já que as crianças não podem ser mantidas nestes centros de detenção.



Source link

Facebook Comments

criação de site