Brasileiro será deportado assim que cumprir pena por fraude com cartão de crédito

138


Time4VPS.EU - VPS hosting in Europe



O brasileiro Helisson Benazi de Souza, de 38 anos, foi sentenciado em um tribunal federal em Boston (MA), no último dia 19, em decorrência do uso de cartões clonados para saque em diversos caixas eletrônicos (ATM) na área de Boston e North Shore. O réu ouviu a condenação lida pelo juiz da Corte Distrital, William G. Young, e foi sentenciado a três anos de prisão, três anos de liberdade condicional e pagamento do ressarcimento no valor de $105.880 para restituir as vítimas do golpe. Além disso, Souza entrará em processo de deportação após o cumprimento da pena. As informações são da Promotoria Pública de Massachusetts.

Em março de 2018, Helisson se declarou culpado da acusação de uso de dispositivos falsos (cartões de débito); posse ilegal de 15 ou mais dispositivos falsificados (cartões de débito); posse de equipamento para fabricação de dispositivos (máquina de clonar cartões); transações ilegais com um dispositivo clonado (cartões de débito de outras pessoas); e roubo de identidade com agravantes.

Souza fazia parte de um esquema de clonagem no qual ele roubava as informações do cartão de débito e as senhas (PINs) dos titulares de contas bancárias legítimas quando usavam seus cartões de débito nos caixas eletrônicos. Dispositivos fabricados para se parecerem com leitoras legítimas dos cartões magnéticos foram usados ​​para roubar as informações das contas nas faixas magnéticas dos cartões de débito, enquanto câmeras secretas gravaram os portadores de cartões digitando as senhas nos teclados. As informações das contas roubadas eram gravadas em cartões de plástico em branco, incluindo cartões de presente e chaves de hotel, fazendo “clones” dos cartões de débito legítimos. Helisson usou esses cartões clonados e as senhas correspondentes para sacar milhares de dólares dos caixas eletrônicos na área metropolitana de Boston em maio de 2017.

Souza foi preso também em maio de 2017, depois que a polícia foi alertada por um investigador de fraudas bancárias. O investigador descobriu que alguém efetuou vários saques no mesmo dia em três caixas eletrônicos em Lynn (MA) de contas bancárias que o investigador sabia que estavam comprometidas. (Com informações do Brazilian Voices).



Source link

Facebook Comments

criação de site